Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Terceira notícia
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Democratização de saberes: obra aborda pandemia de forma interdisciplinar e acessível

  • Publicado: Quarta, 07 de Outubro de 2020, 15h38
  • Última atualização em Quarta, 07 de Outubro de 2020, 15h39
  • Acessos: 101

Por Lunna Rocha, repórter do Portal da Ciência

Edição: Cristiane Barbosa

 

Os pesquisadores da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Renan Albuquerque, Jeremias Leão, Alexander Steinmetz e do Instituto Leônidas & Maria Deane (ILMD/Fiocruz Amazônia), Jesem Orellana lançaram a obra "Os Desaparecidos da Covid-19". O livro trata de um estudo de caso sobre os seis primeiros meses da pandemia em Manaus.

O livro aborda temas como a subnotificação dos casos, desinformação no período pandêmico e óbitos em excesso. A obra de caráter científico segue um viés interdisciplinar, propondo uma análise sob o ponto de vista das Ciências Humanas, Exatas, Biológicas e da Saúde.

Segundo os autores, a partir da utilização de uma linguagem acessível, um público maior poderia ser alcançado, estimulando, dessa forma, a democratização do conhecimento científico.

“Precisamos trabalhar para combater este sistema de desinformação, não apenas em nosso estado como também no país inteiro, pois ele leva a população a um comportamento negacionista e as consequências desse processo podem ser avassaladoras.”, salientou o professor Renan Albuquerque.

Além dos nomes supracitados, o doutorando Lucas Ferrante, do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) assina o prefácio e o cientista social Gerson Ferreira,da Ufam, juntamente com o historiador Noélio Martins, do Instituto Federal do Amazonas (Ifam), complementam o prólogo e o posfácio.

A produção "Os Desaparecidos da Covid-19" integra a série "Quarentenas Amazônicas", que está em seu 6º volume, e o e-book já está disponível, gratuitamente, para download no link https://bit.ly/3d2QpDH.

registrado em:
Fim do conteúdo da página